O sono do recém-nascido!

março 17, 2015 by in category Comportamento do Bebê, Sono do Bebê with 0 and 0
Home > Blog > Comportamento do Bebê > O sono do recém-nascido!

Parece que na maternidade tudo corre bem. O bebê dorme bastante, o banho e as trocas parecem extremamente simples (só é preciso ter cuidado), o bebê mama e, se não fizer isso, provavelmente haverá uma enfermeira para ajudar a alimentar seu bebê, os exames são feitos e aí chega o dia de ir para casa. A partir deste momento, tudo parece desmoronar.

Para te ajudar com o sono do recém-nascido, fizemos uma lista do que fazer para não “desesperar” com o bebê nestes primeiros dias tão desafiadores e de tantas mudanças na rotina da casa.

O que fazer para ajudar no sono do recém-nascido
 

Tente relaxar.

 Este tempo pode ser muito exaustivo. Seu bebê está apenas começando a formar os padrões de sono, acertando o ciclo biológico, aprendendo a diferença do dia e da noite. Se amamentar por livre demanda, melhor ainda. Um recém-nascido dorme muito e acorda praticamente para mamar, portanto nos primeiros dias, amamente e observe como o bebê se comporta com o sono para que você possa acertar isso com o tempo. A janela de sono de um recém-nascido é de aproximadamente 40 minutos (tempo para higiene e alimentação). Tente descansar para ter uma boa produção de leite e conseguir mais tempo de sono para seu bebê.
 

Tenha um ambiente de sono seguro.

 Existem várias medidas que você deve tomar para segurança do sono do seu bebê. Certifique se o berço é seguro, se ele dorme de barriga para cima, se está seguro enquanto dorme em carrinhos ou em cadeirinhas, se não há nada perto dele que possa atrapalhar a respiração ou machucar, se a roupa é confortável, se a fralda está bem colocada e se não há roupa demais ou de menos. Saber que seu filho está em um ambiente seguro e confortável vai te ajudar a relaxar um pouco nos momentos em que ele estiver dormindo e também vai aumentar a qualidade do sono.
 

Preste atenção no ambiente emocional.

 O estado emocional do cuidador da criança é essencial para a qualidade do sono. Quando a mãe está tranquila, ela passa segurança e confiança emocional para o bebê, que é alimentado emocionalmente e consegue dormir melhor. Se não estiver bem, é melhor sair um pouco de perto do bebê, respirar, alimentar seu ânimo e depois voltar para prestar os cuidados ao bebê. A cada dia que passa, o vínculo entre mãe e filho se torna mais e mais importante.
 

Seja paciente e observe.

 Lembre que é uma nova vida que está na sua casa e que este ser é diferente de todos os outros do planeta. Tem seus gostos, sua personalidade, sua maneira de se expressar. Se não é o seu primeiro filho, não compare. Compreenda que cada um tem sua necessidade de sono e pode ser que seu bebê durma um pouco mais ou um pouco menos do que a maioria.

 

Se o seu bebê já tem mais de 4 meses e mesmo assim continua com problemas de sono, procure ajuda. Você não precisa ser privada de noites de sono para atender seu bebê. Com bons métodos, com respeito à família, conseguimos ótimos resultados no soninho das crianças. Quer saber mais? Escreva para nossa consultora de sono infantil no michelemelao@maternitycoach.com.br

 

 

Todos os direitos reservados à Maternity Coach • Por Criativa 22