O Dilema da Cama Compartilhada

12 de dezembro de 2013 por no assunto Sono do Bebê with 0 and 0
Seu bebê nasceu e as noites de sono tranquilas se foram… e isso acontece independentemente da escolha da família ser de colocar o bebê no quarto ao lado ou quarto dos pais.

Nossa intenção neste post não é julgar se dormir com os filhos é certo ou errado, já que esta é uma decisão de cada família, mas sim compartilhar algumas considerações importantes na hora de tomar esta decisão. Para ajudar, resolvemos fazer esta tabela com as vantagens e desvantagens. Assim ficará mais fácil decidir.

 
Vantagens
Desvantagens
A proximidade com o bebê dará mais tranquilidade para os pais.
Um berço deve ser colocado ao lado da cama para dar segurança ao bebê. Se o bebê dormir na cama, algumas providências devem ser tomadas para garantir a segurança dele.
A amamentação é facilitada porque a mãe não precisa se levantar para alimentar o bebê.
O bebê pode sentir o cheiro da mamãe e consequentemente mamar mais vezes durante a noite.
Estudos mostram uma diminuição na morte súbita, já que a proximidade da mãe influencia o sistema biológico do bebê.
Não há desvantagem nenhuma aqui…
Todas as necessidades físicas e emocionais do bebê são atendidas dia e noite.
Os pais precisarão ter bastante paciência quando decidirem que o bebê deve voltar para o quarto dele.
A carência materna (muitas mães sentem um vazio quando o bebê não está mais na barriga) é suprida quando o bebê está ao lado dela.
Alguns estudiosos atestam que a criança cria uma maior dependência e não consegue desenvolver sua individualidade com facilidade.
Reduz as consequências do reflexo de moro (tremor nos braços e pernas), já que os pais podem acalmar o bebê prontamente.
Muitas mães passam a noite toda “olhando” o bebê com medo que algo aconteça e o reflexo de moro é comum e muitas vezes o bebê nem acorda.
Fortalecimento dos laços familiares pois a proximidade cria um elo importante entre os pais e o bebê.
A intimidade do casal pode ficar muito prejudicada por ter um bebê dentro do quarto do casal.
Definitivamente compartilhar a cama não é algo errado. É sim uma decisão importante onde os prós e contras devem ser analisados com antecedência.
Uma mudança de comportamento “no meio do caminho” pode causar protesto dos bebês (choro) e stress para a família.
 
Você já fez tudo que podia e seu bebê ainda tem dificuldades para dormir? Gostaria de fazer a transição do seu bebê do seu quarto para o berço? Lembre-se que dormir é um aprendizado e algumas famílias precisam de ajuda com este tema.
Consulte a especialista em treinamento de sono do bebê da Maternity Coach no michelemelao@maternitycoach.com.br e saiba como funciona uma consultoria personalizada, de acordo com o perfil e necessidade de cada família.

Add comment


Todos os direitos reservados à Maternity Coach • Por Criativa 22